Banco Central volta a leiloar dólares após 2009

PUBLICIDADE

Depois da crise de 2009, o Banco Central resolveu vender dólares a vista das reservas internacionais. Atualmente se encontra com o valor de US$ 388 bilhões. O leilão irá ocorrer entre os dias 21 e 29 de agosto. Pensando em conter a mudança cambial constante. Neste período foi contabilizado US$ 3,845 bilhões. 

Além disso, a última vez que isso havia ocorrido foi em 3 de fevereiro de 2009. Quando a crise imobiliária assolou o mercado dos Estados Unidos. Após essa decisão ser anunciada na quarta-feira (15/08), o Banco Central muda a política de intervenção no câmbio. 

Até então quando o dólar estava mais caro era tomada outra atitude. Onde era leiloados contratos de swap cambial tradicional. Isso equivale a venda de dólares no mercado futuro. Essas ações não afetam as reservas internacionais. Entretanto tem impacto na posição cambial e os juros das dívidas pública aumentam.

E agora?

O Banco Central terá que atuar de forma diferente. Venderá US$ 550 milhões à vista para o mercado. E simultaneamente fará compras com o mesmo valor de swap cambial reverso. Onde funcionam como se fossem compras do dólar no mercado futuro. Caso a demanda da moeda americana fique abaixo do valor, autoridades irão completar com contratos de swap tradicional. 

O Banco Central explicou que os swaps cambiais tradicionais adquiridos por investidores. Assim querendo se proteger da volatilidade no câmbio. Todavia uma parte do mercado está aplicando dólares a vista por conta da economia. 

Em nota a instituição informa que a implantação de leilões tem um motivo. A redução na demanda de proteção cambial pelos agentes por meios de swaps cambiais e o aumento da demanda de liquidez no mercado de câmbio à vista. Isso é para efeito de rolagem da sua carteira de swaps.

Todavia o estoque de swap tradicional gira em torno de US$ 70 bilhões. Esse valor deve aumentar da mesma maneira que o valor das reservas internacionais vai diminuir menos de 1%. Não é só o mercado brasileiro que sofre. Mercados de todo o planeta passa por turbulência após a divulgação da desaceleração econômica na Alemanha e China.

Aviso:
O portal INFOS BRASIL é um site jornalístico, com finalidade informativa, não vendemos produtos ou serviços e você não poderá se cadastrar ou adquirir serviços. Para mais informações acesse nosso TERMOS DE USO.


Leave a Reply